03 junho 2011

Amizade

De mais ninguém, senão de ti, preciso:
Do teu sereno olhar, do teu sorriso,
Da tua mão pousada no meu ombro.
Ouvir-te murmurar: “Espera e confia!”
E sentir converter-se em harmonia,
O que era, dantes, confusão e assombro.

Carlos Queirós

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, seu LEEEMDO(A)!
Você me deixou FELIZOOOOOOOOOOONA! *-----*
Volte sempre, e sempre, e sempre, e sempre... e sempre³!
Cheirinhos da tia, Lola ;**

Tamanho original
Volte Sempre!